A Brigada Militar (BM) suspendeu as férias dos policiais militares (PMs), para que eles reforcem a segurança Porto Alegre, durante o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que ocorre no próximo dia 24 de janeiro, na sede do Tribunal Regional Federal da 4ª Região. A orientação do Comando da BM é de que  os servidores reagendem o descanso para após o dia 25 de janeiro. O número de policiais envolvidos na operação não é revelado. Lula já disse que não virá para o julgamento em Porto Alegre. A Corte irá analisar recurso do ex-presidente no caso do triplex do Guarujá.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB 11.110)

Foto: Reprodução

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA