Desde a última sexta-feira (1º), quando chega o fim da tarde em Santa Maria, o Centro da cidade Coração do Rio Grande se transforma. A correria de gente que vem e vai do trabalho para casa, e vice-versa, dá espaço, na Praça Saldanha Marinho, a shows, luzes e encantamento. É o Viva o Natal, que há seis noites proporciona momentos de diversão, alegria e entusiasmo à comunidade santa-mariense. Até o dia 20 de dezembro, a Prefeitura de Santa Maria preparou uma programação bastante diversificada, que vai do sertanejo ao rock, como forma de contemplar os mais variados gostos do público (confira, aqui, a programação completa do evento).

Na noite de quarta-feira (06), não foi diferente. Quem compareceu à Praça Saldanha Marinho pode curtir diferentes ritmos musicais. Os shows foram de música clássica e nativista, de dois grupos de Santa Maria.

As primeiras a subir no palco foram as integrantes do Grupo Câmara. Ao todo, seis “jovens senhoras” musicistas, como se intitulam, com média de idade de 60 anos, entoaram canções eruditas, natalinas, folclóricas e populares. A apresentação – com flautas doces e transversal, violão, violino, percussão e voz – diferente do que a comunidade está habituada, encantou o público, levando tranquilidade, calmaria e harmonia para a praça Saldanha Marinho. Carregada de sacolas, a aposentada Ana Terezinha Teixeira, 67 anos, estava indo para casa, quando foi contagiada pela execução das músicas do grupo.

“Eu estava passando e resolvi sentar e ouvir e está valendo a pena. É uma música gostosa, relaxante. O povo precisa disso. Vivemos um momento tão difícil, que isso é um lazer para alma”, explicou a aposentada.

O dia já havia escurecido quando, por volta das 21h, a segunda e última atração da noite deu início à apresentação. A caráter – de vestidos de prenda e lenço, bota e bombacha – integrantes do Coral Nativista do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Sentinela da Querência subiram ao palco e colocaram o público para cantar. Com nove anos de estrada, o grupo é composto por 28 integrantes, grande parte acima dos 60 anos, que leva a música ao encanto da população.

“A gente adora fazer essas apresentações, por isso, nos inscrevemos e fizemos questão de participar. É para divulgar nosso trabalho, mas, acima de tudo, para mostrar à comunidade que quem tem mais idade também pode ter persistência e competência”, contou a coordenadora do coral, Ione Lima de Moraes.

Viva o Natal tem financiamento da Lei Rouanet. A promoção é da Prefeitura Municipal de Santa Maria e a realização da Câmara de Comércio e Indústria de Santa Maria (CACISM). Patrocínio: Bradesco, Farmácias São João, Sulclean Segurança, Grazziotin, Beltrame Supermercados, Diário de Santa Maria, Podal, CRVR, Planalto, Biotérmica e Expresso Medianeira. A produção executiva é da Chilli Produções.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB 11.110)

Texto: Mariana Fontana (Mtb 17.770)
Foto: João Alves (Mtb 17.922)

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA