A sexta-feira (1º) e o sábado (02) serão dias de trabalhar a conscientização e a prevenção com a comunidade. É que na sexta-feira inicia a campanha “Dezembro Vermelho”, dedicada à prevenção, assistência e promoção dos direitos humanos das pessoas que vivem com HIV/Aids. Em Santa Maria, a Prefeitura, em parceria com outras instituições da cidade, preparou uma programação para marcar a data.

Na sexta-feira, as atividades em alusão à campanha iniciam às 8h, no Centro Universitário Franciscano (Unifra). No local, será realizado um seminário, que contará com palestras sobre a prevenção e controle do HIV/ Aids, Hepatites Virais e Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), a realidade do HIV/ Aids em Santa Maria e relatos de quem vive com a doença. O seminário é voltado para servidores da Secretaria de Saúde do Município e acadêmicos de instituições de Ensino Superior.

Já à tarde, a comunidade também será inserida na programação. Isso porque as ações ocorrem na Praça Saldanha Marinho, como forma de atingir um maior número da população. As ações iniciam às 13h e seguem até as 17h. No local, serão realizadas rodas de conversa (sobre redução de danos, identidade de gênero, saúde da mulher e oficina da sensibilidade) e orientações para o público.

Além disso, as acadêmicas Ana Carolina Dias e Mariana Fonseca, do curso de curso de Publicidade e Propaganda da Unifra, sob a supervisão da professora Cristina Munarski Jobim Hollerbach, na disciplina de Projeto de Extensão em Comunicação Comunitária, confeccionaram e farão a distribuição de folders, que explicam a atuação, localização e horários de funcionamento do Ponto de Referência de Testagem do Município – serviço disponibilizado pela Prefeitura de Santa Maria que oferece acompanhamento especializado para o tratamento de ISTs.

 “Nosso objetivo é fazer com que as pessoas reflitam sobre o HIV/ Aids e sobre a saúde como um todo. Queremos trabalhar a prevenção e a conscientização, tratando a saúde de forma global”, explica Patrícia.

As ações da campanha Dezembro Vermelho seguem também no sábado. Nesse dia, será apresentado, às 10h, no cinema do Shopping Praça Nova Santa Maria, o documentário “Codinome Beija-Flor”, produzido pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). O público-alvo são estudantes das escolas Maria Rocha e Cilon Rosa e a população em geral. A entrada é gratuita. Após a exibição, haverá uma discussão sobre o documentário, com a presença do youtuber Léo Cezimbra.

As atividades têm o apoio da Pastoral da Aids, da ONG Igualdade, da Associação dos Usuários e Amigos do Hospital Dia/ HUSM, da Residência Multiprofissional da Unifra, da Residência Multiprofissional da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), do Grupo de Pesquisa Cuidado à Saúde das Pessoas, Famílias e Sociedade (PEFAS/ UFSM) e do Shopping Praça Nova Santa Maria.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB 11.110)

Texto: Mariana Fontana (Mtb 17.770)
Foto: Deise Fachin

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA