Operação conjunta de Ministério Público, Brigada Militar e Polícia Civil cumpre 35 mandados de prisão preventiva e 37 mandados de busca e apreensão em Cachoeira do Sul, na região central do Estado. A ação iniciou na madrugada desta quinta-feira e combate o tráfico de drogas na região.

De acordo com informações do MP, são realizadas buscas em casas, empresas e nos presídios de Cachoeira do Sul e Venâncio Aires. Mais de 250 agentes das três instituições e o helicóptero da BM participam a operação.

A ação foi desencadeada após a informação de que um sargento da Brigada Militar estaria oferecendo proteção ao líder do tráfico em Cachoeira do Sul há cerca de um ano. MP e Polícia Civil investigaram o caso.

Informações apontam que parte do dinheiro conseguido com a venda de drogas era lavado na revenda de carros que pertence à irmã do sargento, que é companheira do líder da facção. A empresa também contratava outros integrantes do grupo com carteira assinada para, de acordo com o MP, pudessem requerer auxílio reclusão, além de progredir para o regime semiaberto.

Ainda são investigados quatro taxistas, que, segundo o MP, faziam o transporte de drogas. Um deles já teria maconha em grandes quantidades para revenda posterior. Além de transportar a droga, os condutores também eram motoristas do grupo.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB)

Com informações do Correio do Povo e MP
Foto: MP / Divulgação

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA