Com a chegada do frio intenso, aumenta a necessidade das famílias mais carentes em receberem ajuda para driblar as adversidades do inverno. Diante desta realidade, a Prefeitura de Santa Maria realizou, nesta segunda-feira (19), a entrega de agasalhos para uma das comunidades com maior índice de vulnerabilidade social no município: o Bairro Nova Santa Marta.

Cerca de 65 famílias das vilas Alto da Boa Vista, 7 de Dezembro, Loteamento Marista e da Ocupação da Caixa D’Água receberam, da Campanha do Agasalho, 4.920 peças de roupas e 250 pares de calçados, arrecadados de doações feitas pela comunidade.

O presidente da Associação de Moradores da região, Éder Pompeo, explicou que foi realizado um cadastro com as famílias com maior necessidade na comunidade, para que pudessem receber as doações. Éder salientou também a organização da Campanha realizada este ano.

“Tem famílias que chegam aqui que nós sabemos que tem alguma ajuda, ou até mesmo, contam com apoio de familiares. Nós priorizamos aqueles que realmente não tem de onde tirar. Outra coisa que eu reparei foi no empenho do pessoal que está organizando este ano. Eles permitiram que nós, líderes comunitários, selecionássemos quem realmente precisa. E nós somos apropriados para isso, pois vivemos diariamente a realidade de nossas comunidades”, disse o presidente Éder.

Para a dona de casa Janete Paz, o ato de solidariedade não vem apenas para ajudar sua família. Ela relatou que, além de receber as roupas e calçados, ela também participa da Campanha do Agasalho doando o que não lhe serve mais.

“Hoje eu estou aqui recebendo roupas para suportar o frio do inverno com meu marido e meus filhos, mas as roupas do ano passado, as que não servem mais, já separei, lavei e doei. Se eu sou ajudada também, posso ajudar aos outros”, destacou Janete.

O vice-prefeito Sergio Cechin, coordenador da Campanha do Agasalho, ressaltou que a Nova Santa Marta é uma comunidade que cresceu muito e que ainda há muitas pessoas que precisam das doações da Campanha do Agasalho.

“Eu fico feliz em estar nesta comunidade, é um lugar que cresceu e se desenvolveu, mas que ainda sofre de carências sociais. Por isso, estamos trazendo essas roupas para vocês. Façam bom uso desse “presente” que não é da Prefeitura, e sim das pessoas da comunidade para vocês”, reiterou o vice-prefeito Cechin.

MAIS DOAÇÕES

As equipes da Campanha do Agasalho 2017 estão solicitando mais doações de roupas e agasalhos da população. A necessidade maior é por roupas infantis, para crianças de 0 a 12 anos, de peças adultas masculinas e, também, de cobertores.

COLETA

Quem não puder levar as doações aos postos de arrecadação pode ligar para 3921-7084 ou 3921-7149, que uma equipe será deslocada para realizar a coleta. (Confira, no final da matéria, os locais de coleta de donativos).

CADASTRO

Para receber doações os interessados devem fazer o cadastro no andar térreo do Centro Administrativo Municipal ou ligar também para os telefones 3921-7084 e 3921-7149. O último balanço da campanha aponta para mais de dez mil peças já arrecadadas e doadas.

PONTOS DE COLETA

Prefeitura Municipal (Centro Administrativo)

SUCV

ATU

CDL

Uninter

Corsan

CPF Piá do Sul

Shopping Monet

Royal Plaza Shopping

Safira Modas

Supermercados Beltrame

Banco Banrisul

Banco do Brasil

Caixa Econômica Federal

Rede de Farmácias São João

Panvel Farmácias

Reni Farmácias Associadas

Posto Rota 11

Falk Tintas

Lucão Lanches (Praça Saldanha Marinho)

Shopping Independência

APUL

Rek Parking Estacionamento

Subprefeitura de Arroio Grande

SEG Cursos Profissionalizantes

Fames

Rede Vivo (Avenida Dores)

AJESM

Bang Works Comunicação Visual

 

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB 11.110

Com informações de Thassiani Porto
Foto: Deise Fachin

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA