HOMICÍDIO

Volcei Rodrigues, de 55 anos, foi morto com uma facada no peito na noite desta quarta-feira (7), em Santa Maria, pela companheira, Elaine Beatriz Marques de 53 anos. O fato ocorreu por volta das 22h30, quando uma guarnição da Brigada Militar foi acionada para comparecer no local dos fatos, no triângulo da Rua Euclides da Cunha, no Bairro Itararé. Chegando ao local, os policiais se depararam com a vítima caída ao chão e a companheira ao lado do corpo. Volcei chegou a ser socorrido com vida, mas não resistiu aos ferimentos. A mulher, que apresentava um ferimento na cabeça, disse que foi agredida pelo companheiro com um capacete e que revidou com um golpe de canivete. A arma foi entregue à Polícia. O Crime teve motivação passional. Após prestar depoimento na DPPA Elaine foi conduzida ao Presídio Regional de Santa Maria.

PRISÃO

A Polícia Civil desencadeou na tarde desta quarta-feira (7), em São Sepé, a Operação Angus, chefiada pelo delegado Antônio Firmino de Freitas Neto, em que foram presos preventivamente Gustavo Alves Figueiredo, de 21 anos, e Jonathan Alves, de 20 anos de idade, ambos residentes no Bairro Pontes. Os dois são suspeitos de participação do latrocínio de Paulo Gilberto Maciel Neves, de 29 anos, fato ocorrido por volta das 21h de 26 de maio, no CTG Maragatos. Na semana passada a Polícia já havia realizado a prisão de Gustavo oliveira Neves, de 29 anos. Ainda nas diligências realizadas na tarde de ontem, também foi preso Patrick Alves de Oliveira, de 28 anos, que estava foragido do regime semiaberto. Também na tarde desta quinta-feira foi preso Alex Rodrigues Leal, de 32 anos, suspeito de ter praticado roubo a pedestre com lesões, em que a vítima foi uma idosa.

ROUBO

Uma mulher de 29 anos foi agredida e roubada na noite desta quarta-feira (7), em Santa Maria. Conforme informações da Sala de Operações da Brigada Militar, a vítima declarou que caminhava pela Rua José Barin, quando teria sido surpreendida com uma paulada nas costas e foi ao chão. A mulher disse que percebeu a presença de um grupo de pessoas, sendo que ouviu a voz de uma mulher, que lhe arrancou a bolsa, contando documentos e pertences pessoas, dinheiro, cartões e talão de cheques. Ela foi socorrida por uma ambulância do Samu e conduzida para atendimento na UPA. O caso será investigado pela Polícia Civil.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA