Desde 2014 a Central de Bem-estar Animal de Santa Maria resgatou 252 cavalos que estavam sofrendo maus tratos ou permaneciam em situação de abandono, passando fome e submetidos à condições precárias de sobrevivência. Desse universo, 58 equinos tiveram de ser submetidos a eutanásia, por não apresentaram mais condições de sobrevida. Hoje, são 20 animais internados no Hospital Veterinário da UFSM, passando por tratamento severo.

As informações são do coordenador da Central de Bem-estar Animal de Santa Maria, o médico-veterinário Alexandre Caetano. Em entrevista à Rádio Medianeira ele falou sobre a situação desses animais no município e da necessidade da central em cadastrar fiéis depositários, que possam assumir a responsabilidade de cavalos resgatados por maus tratos. Quem quiser se cadastrar pode entrar em contato pelo telefone 3921-7150.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB 11.110)

Foto: Reprodução / Santa Maria 24 horas

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA