O prefeito Jorge Pozzobom (PSDB) disse nesta quarta-feira que pretende desapropriar o prédio da Boate Kiss até a metade do ano, ou seja, até o final de julho. A data foi definida durante encontro do chefe do Executivo com representantes da dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM).

O encontro foi intermediado pelo Jornalista Marcelo Canellas, patrono da Feira do livro 2017. Pozzobom também deu praza para a demolição e limpeza do prédio, que deverá ocorrer antes de 27 de janeiro de 2018, quando a tragédia que matou 242 pessoas completa cinco anos.

MEMORIAL

A construção de um memorial na Avenida Rio Branco, em memórias às vítimas do incêndio, foi outro assunto discutido no encontro. Um grupo de trabalho foi formado para cuidar da questão do memorial e demolição do prédio onde funcionava a boate.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB 11.110)

Foto: Deivid Dutra / Arquivo / A Razão

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA