loading...

Prefeitura de Santa Maria vai contratar 147 professores para suprir quadro docente

Prefeitura de Santa Maria vai contratar 147 professores para suprir quadro docente

Um acordo entre a Prefeitura de Santa Maria e o Ministério Público (MP) do Estado garantirá a contratação emergencial de professores para o início do ano letivo nas escolas do Município. O objetivo é garantir que os alunos das instituições municipais entrem nas salas de aula, no próximo dia 20 de fevereiro, com quadro de docentes completo.

Segundo decisão judicial, até o dia 16 de fevereiro a Prefeitura deverá realizar a contratação de 147 professores, de diferentes disciplinas, para ministrar aulas aos alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental – Anos Iniciais e Finais.

A decisão, conforme a Procuradoria do Município, ocorreu após negociação junto ao MP, já que uma decisão judicial obrigava o Município a realizar concurso para a contratação de professores.

Entretanto, como não haveria tempo hábil para realizar o concurso e chamar os aprovados – já que o ano letivo inicia em duas semanas –, a Prefeitura recorreu ao Ministério Público que, atendendo ao pedido do Município, pediu em caráter liminar a prorrogação do banco de professores relativo aos contratos temporários de 2016. A Justiça deferiu o pedido no final de janeiro.

O contrato será, segundo a subprocuradora Clarissa Duarte Pillar, de seis meses, podendo ser prorrogado pelo mesmo período. Ela ainda destaca que no dia 21 deste mês será realizada a licitação de contratação de serviços especializados, para planejamento, julgamento e realização de concurso público para contratar professores.

“A liminar possibilita recontratar os professores, pois não daria tempo de fazer o concurso e entrar o ano letivo com o quadro completo. Então essa decisão veio ao encontro do que o Município queria”, argumenta Clarissa.

A secretária interina de Educação do Município, Maria Goretti Rocha Farias, afirma que este foi o caminho mais curto e ágil encontrado pela Prefeitura, já que não necessita de concurso para ter os professores em sala de aula a partir do dia 20.

“Por meio do acordo foi encurtado o prazo para realização de contratações de temporários, já que se conseguiu a prorrogação do banco de professores, que havia expirado em 31 de dezembro do ano passado”, destaca a secretária.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi

Foto: Divulgação
Com informações de A Razão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *