A Justiça Gaúcha determinou que a Prefeitura de Santa Maria e o Governo do Estado do RS indenizem uma sobrevivente do incêndio da Boate Kiss. O resultado da ação movida pela advogada Bianca Ferrigolo é inédita considerando os processos relativos ao incêndio que matou 242 pessoas na madrugada de 27 de janeiro de 2013. A indenização chegou a ser negada em primeira instância pela Justiça local, mas a advogada recorreu ao TJ/RS, que acatou o pedido. O valor da indenização é de 20 mil reais. Cabe recurso à decisão. A ação beneficia uma jovem quer alega ter passado por transtornos psicológicos e contratado um profissional para fazer terapia.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi
Com informações de Zero Hora
Foto: Deivid Dutra / A Razão

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA